10 carros que saíram de linha e muita gente não sabe – Até Junho 2020


Será que você estava pensando em comprar alguns desses modelos?

Quando um carro está para ser lançado é muito comum ver diversos anúncios por parte das montadoras, mas quando alguns de seus modelos vão sair de linha, parece que a informação é sigilosa, afinal, eles querem mesmo é vender todo estoque antes de fazer o comunicado!

Se um carro sai de linha, tudo fica mais complicado. O seguro fica mais caro, a reposição de peças, manutenção e a revenda do veículo também ficam mais difíceis.

Veja abaixo uma lista com 10 veículos que já saíram de linha, mas muita gente ainda não sabe.

LEIA TAMBÉM: VALE A PENA COMPRAR CARRO DE LOCADORA?

10 carros que já saíram de linha até junho de 2020

Ford Fiesta

Desde o anúncio do fechamento da fábrica da Ford em São Bernardo do Campo (SP) que este momento já era esperado. O Fiesta deixou de ser oferecido no site da marca, restando apenas o Ka, Ka Sedan e Fusion como opções além de SUVs, picapes e o Mustang. Nessa mudança, até o Focus Fastback desapareceu, semanas após o Focus hatch.

Já temos uma nova versão do Fiesta 2020, mas não sabemos se virá para o Brasil.

Mitsubishi Pajero Dakar

A trajetória do Pajero Dakar no Brasil chegou ao fim: ele está entre os carros que saíram de linha em 2018. A Mitsubishi confirmou a saída do SUV do mercado em meados deste ano, cujos maiores predicados eram a capacidade off-road e a oferta de sete lugares. A marca segue oferecendo os modelos Pajero Full e Pajero Sport.

Renault Fluence

O Fluence é um daqueles carros que saíram de linha sem deixar sucessor direto, mas ainda é muito visto nas ruas e utilizado por motoristas de app.

Lançado em 2010, ele nunca teve vendas expressivas, mesmo após oferecer até versão esportiva: a GT, com motor turbo. Para piorar, todo o segmento de sedãs médios está em queda. Esses dois fatores fizeram com que a Renault desistisse de apostar nesse tipo de veículo no Brasil. De agora em diante, a marca francesa apostará em SUVs para a faixa mais cara do mercado.

Volkswagen SpaceFox


SOLICITE AGORA UMA COTAÇÃO DE PROTEÇÃO VEICULAR

  • Faça sua cotação 100% online e sem compromisso com a maior proteção veicular do Brasil;
  • Cobertura completa contra roubos, furtos, colisões, fenômenos naturais e danos a terceiros;
  • Você pode personalizar as coberturas e assistências;
  • Sem conuslta ao SPC e SERASA;
  • Aceitamos carros de leilão;
  • A melhor proteção veicular para motoristas de aplicativo;
  • Mensalidade abaixo da média do mercado.

A perua derivada do compacto Fox deixou de ser produzida na Argentina no começo do ano, mas só saiu de linha definitivamente em outubro, quando as últimas unidades restantes nos estoques das nas concessionárias. 

Ford Focus

Após quase 20 anos e três gerações, o Focus deixou de ser vendido no Brasil. O hatch médio saiu de cena sem alarde com o fim de sua produção na Argentina, enquanto a versão sedã ainda agonizou por um

LEIA TAMBÉM: OS 20 CARROS MAIS ROUBADOS NO RIO DE JANEIRO ATÉ JUNHO 2020

Peugeot 308 e 408

A dupla de médios nunca vendeu bem por aqui, mas ofereciam um custo-benefício interessante junto com a competente motorização 1.6 THP de 173 cv e câmbio automático de seis marchas.

Com menos de mil unidades comercializadas no Brasil em 2018, hatch e sedã deixaram de ser fabricados na fábrica argentina de El Palomar, onde o Grupo PSA investirá na produção da nova geração do compacto 208.

Caoa Chery QQ

O subcompacto saiu de linha em agosto para liberar espaço na fábrica da Caoa Chery em Jacareí, no interior de São Paulo. No local, a marca vai privilegiar a produção do crossover Tiggo 2 e do sedã Arrizo 5, modelos de segmentos que a empresa considera mais promissores.

JAC J3 e J5

A JAC Motors reestruturou toda a sua linha ao longo do ano. Isso significa que todos os veículos até então oferecidos foram substituídos por outros. Portanto, a lista de carros que saíram de linha está recheada de produtos da marca. Entre eles, está o J2, um subcompacto do porte de Renault Kwid e Fiat Mobi, além do J3 e outros modelos menos vendidos da montadora. Comercialmente, nunca chegou a ameaçar seus rivais.

Audi Q3 nacional

A primeira geração do Q3 deixou de ser produzida em São José dos Pinhais (PR) no final de 2018, mas ainda é possível encontrar algumas unidades do SUV em estoques de concessionárias.

A nova geração foi lançada recentemente no Brasil, com chances de ser feita na fábrica paranaense a partir de 2021, segundo a marca das quatro argolas. 

Citroën C4 Picasso e Grand C4 Picasso

As modernas minivans também não tiveram sorte por aqui. Apesar do bom nível de conforto e equipamentos, elas não resistiram aos SUVs.

Ambas eram equipadas pelo motor 1.6 THP a gasolina de 165 cv e câmbio automático de seis marchas. A Grand C4 Picasso ainda era capaz de levar sete ocupantes.

Vamos combinar uma coisa: Comprar um Citroën que saiu de linha é atestado de loucura!

LEIA TAMBÉM: OS 100 CARROS MAIS VENDIDOS EM MAIO DE 2020


QUER PAGAR BARATO NA SUA INTERNET MÓVEL?

  • Planos de 6, 12 e 22 gb a partir de R$ 50,00 mensais;
  • Promoção válida para os DDDs: 11, 12, 13, 19, 21, 22 e 24;
  • Ligações locais e DDD ilimitadas;
  • Internet sem bloqueio total;
  • Roaming nacional grátis;
  • Ofertas válidas por tempo limitado;
  • Solicite agora o contato de um consultor. Clique no botão abaixo e preencha o formulário.

Deixe uma resposta